Please reload

Arquivos
  • Facebook - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
Siga-me

Se quiser conversar, tirar dúvidas ou me mandar perguntas, estou à sua espera logo aqui: ninanhaia@gmail.com

Contato

Rottnest Island - Austrália - Perth

December 12, 2016

Um destino imperdível para quem visita a costa oeste da Austrália. A Ilha de Rottnest fica localizada a 19 km da costa de Perth e sinceramente o lugar mais bonito que eu já visitei na vida, a ilha é cercada por praias paradisíacas com águas cristalinas, muita beleza natural e repleta vida marinha, sem contar o visual incrível.

 

A ilha se tornou um dos destinos turísticos mais procurados no lado oeste da Austrália (dá para imaginar o porquê) e vou mostrar um pouquinho aqui como foi o meu dia nesse paraíso.

 

Fechamos o passeio de um dia direto com nossa escola de inglês, a opção escolhida foi via o Fast Ferry, a viagem dura cerca de 30 minutos saindo de Fremantle. Mas é possível fechar o mesmo passeio com diversas agencias pela cidade, você tem a opção de passar apenas o dia (Ida e Volta) ou se hospedar em alguns apartamentos que existem por lá. Essa segunda opção é bem mais cara, já que os valores das diárias são altos.

 

Existem diversos pacotes e no valor total é possível incluir aluguel de bike e também equipamento para mergulho como snorkel.

Nós fechamos a opção apenas com o aluguel de bike pois já tínhamos o material para mergulho.

Eu indico fazer o aluguel dos dois, primeiro porque a ilha é grande e a bike facilita na hora de explorar as praias mais distantes, o que não seria possível de fazer em apenas um dia se você optar por ir a pé, porem caso queira explorar a pé, existe o serviço de ônibus que fica rodando por toda a ilha, o ticket é cobrado a parte e pode ser comprado no Rottnest Island Visitor Centre.

 

O equipamento para snorkeling é essencial se você quiser aproveitar para mergulhar nas diversas praias cristalinas que existem por lá, a vida marinha é incrível, diversos peixes, corais e alguns navios naufragados fazem do mergulho inesquecível. Vale muito a pena.

 

 

Como fechamos o pacote apenas de 1 dia nos organizamos antes de chegar, pegamos o mapa da ilha na internet e fizemos um roteiro com todas as praias que queríamos visitar para otimizar o tempo.

 

A ilha tem cerca de 30 praias, todas paradisíacas e cada uma com um detalhe especial, algumas com opção para surf outras mergulho e etc.

Dentre todas escolhemos visitar 12 delas que foram:

 

HENRIETTA ROCKS

Na saída da balsa a esquerda seguimos o caminho da trilha de bike até chegar em Henrietta Rocks. Normalmente os turistas entram pela praia pelo mirante direto da estrada, porem encontramos uma trilha uns 100 metros antes da entrada principal e conseguimos explorar a praia de uma outra forma.

A praia é cercada por pedras e no alto delas a vista é indescritível. Você pode admirar a paisagem e curtir para relaxar sozinho na praia, pois poucas pessoas sabem desta trilha. Logo após o mirante de Henrietta Rocks existe um navio naufragado, ótimo lugar para mergulho com snorkeling já que os peixes ficam nadando ao redor.

 

 

PARKET POINT

Parket Point é uma praia maravilhosa, acredito que uma das mais longas praias da ilha. A areia é bem branquinha e o mar com águas calmas e claras fazem dela um dos melhores lugares para mergulhar. Normalmente é nessa praia que os barcos ancoram quando passam o dia.

A vista do mirante que dá acesso à praia é deslumbrante. Ficamos por alguns minutos admirando a vista por lá.

QUOKKAS

Rottnests Island é conhecida por ser a ilha dos Quokkas, um mini canguru extremamente fofo e dócil.  Acredita-se que tenham cerca de 10 mil deles pela ilha.

Os Quokkas são uma sensação a parte, muitos turistas vão até a ilha apenas para conhece-los. Eles ficam espalhados por todas as praias, principalmente nas áreas com verde e sombra.

Por sorte encontrei com uma família deles no meio do caminho e não tive como fazer uma selfie.

 

 

LITTLE SALMON BAY – SALMON BAY

Logo quando você chega na praia fica totalmente encantado com o tom azulado da água. Nela optamos para fazer nosso primeiro mergulho, já que a água estava bem clara e foi uma ótima escolha, apesar da agua estar bem gelada conseguimos explorar os diversos pontos de corais e peixes que tinham por ali.

 

A praia é pequena, mas é ótima para descansar um pouco antes de seguir para as demais praias. Salmon bay é tão linda quanto, mas acabamos não ficando por lá. Passamos para conhecer e depois seguimos viagem.

 

 

MARY COVE

Seguimos até Mary Cove, porém não entramos no acesso que dá a praia e sim ao acesso ao morro para observar a praia de cima. Simplesmente uma vista de tirar o folego, para mim um dos visuais mais lindos que vi por aqui.

A praia era bem tranquila e estava deserta. A água cristalina é cercada por corais e ótima para mergulho.

 

 

Como tínhamos apenas um dia explorando a ilha acabamos cortando o caminho de Mary Cove até Charlotte Point, infelizmente devido ao pouco tempo na ilha não pudemos conhecer Fish Hook, Cape Vlaming e Stark Bay praias que ficam na ponta oeste da ilha e que pelas fotos tinham um visual surreal, mas quem sabe programo uma nova visita em Rottnest para conhecer os lugares que não conseguimos visitar.

 

CHARLOTTE POINT - ARMSTRONG BAY – LITTLE ARMSTRONG BAY

Na chegada de Charlotte Point o acesso que liga a estrada à praia estava bloqueado e a praia estava fechada para visita. Infelizmente só pudemos observar a vista da estrada, mas mesmo assim valeu cada segundo.

Ao lado de Charlotte Point seguimos para Little Armstrong Bay e nos deparamos com mais um lugar e visual indescritível, difícil dizer qual deles era o mais bonito.

Nessa praia o incrível foi seguir a trilha que existe entre a praia de Little Armstrong Bay e Charlotte Point, esta trilha leva a um braço de pedras que é possível ver a variedade de corais e recifes por cima, além de ser um ótimo ponto para práticas de snorkeling e mergulho de cilindro.

 

 

THE BASIN

Continuamos nosso caminho pedalando pela ilha, conhecemos as praias de Geordie Bay, Fays Bay, Longreach Bay e Pink Beach, acabamos não parando nelas por causa do pouco tempo que tínhamos até o horário da nossa balsa de volta. As praias, não são muito diferentes das outras, são espetaculares, águas cristalinas e areia branca um visual incrível.

Escolhemos parar na praia The Basin para esperar o horário de ir embora já que a praia era próxima da balsa. E foi uma ótima escolha, bem próxima da areia um buraco de recife formava uma piscina natural e as águas calmas e cristalinas eram ótimas para mergulhar.

 

 

Se eu achei o paraíso? Eu tenho quase certeza que sim, Rottnest Island está entre os lugares mais incríveis e bonitos que já visitei na vida e vale cada segundo que você passa por lá.

Quer curtir um pouquinho do que foi essa aventura? Aperte o Play

 

Minha dica é tentar programar uma viagem para lá de pelo menos dois dias, com essa diversidade de lugares para visitar e explorar o ideal é fazer com mais calma, o que eu não consegui por ter apenas 1 dia no local.

Mas com toda certeza antes de voltar para o Brasil devo passar por lá novamente.

Espero que tenham curtido a trip um pouquinho

Beijos Nina

Please reload

Paulistana, apaixonada pela natureza, esportes radicais, viagens e bem-estar.

Por aqui um pouquinho do meu mundo e de tudo que amo.

Espero passar essa energia boa e inspirar a ter uma vida mais leve.